22 de agosto de 2017

Reverse Shampooing | Mito Ou Verdade? Eu Esclareço!

Certamente, vocês já ouviram falar da teoria da “Lavagem Inversa” do cabelo, não?


Para aqueles a quem possa “parecer chinês” esta teoria, dou-vos a conhecer em que se baseia e explicar o porquê da mesma, afinal, não fazer qualquer sentido!

Intrigados?
Leiam as próximas linhas.

A teoria da “Lavagem Inversa” do cabelo consiste na utilização de um produto condicionador antes do champô, aquando a lavagem do nosso cabelo.

Qual o “argumento”?
O cabelo, desta forma, fica mais suave e sedoso e bem mais hidratado.

Dizem eles…


Uma marca bem conhecida à venda em grandes superfícies comerciais – TrésEmme – andou a “vender” esta teoria (enganar, diria eu), durante imenso tempo, aos consumidores.

Pareciam políticos: só faziam promessas. Promessas de que o cabelo iria ganhar uma outra forma, um outro brilho e um outro aspeto.

Muitas foram as pessoas que aderiram a esta nova linha de pensamento e de lavagem do cabelo. 


Muitos foram os bloggers que testaram e aprovaram esta teoria #ARirAté2050. Ainda hoje comentam que esta teoria faz todo o sentido e que resulta.

“Cada tiro, cada melro!”. Que é como quem diz, queridos bloggers pseudo-sabichões e “sem-noção”: calem-se e estudem antes de mandarem “bojardas” cá para fora!

Utilizar o condicionador antes do champô não faz, de todo, sentido. Não é assim que se usa estes produtos. Não nesta ordem. E eu explico porquê.


Um champô é escolhido e utilizado no couro cabeludo, certo? Por exemplo, um couro cabeludo seco vai necessitar de um champô adequado para couro cabeludo seco. Até aqui estamos de acordo, correto?

Uma pessoa utiliza o champô APENAS no couro cabeludo. Depois passa o cabelo por água e o champô escorre ao longo do comprimento e pontas.

O que vai acontecer é que o nosso cabelo vai ficar com cargas (a chamada “eletricidade estática” no cabelo. Quem nunca?). E as cutículas da haste capilar vão ficar “abertas”.


O condicionador é escolhido segundo a natureza e estado da nossa haste capilar e, parte bem importante, é USADO no comprimento e pontas.

POR FAVOR: não façam como um certo blogger que usa o condicionador e a máscara capilar diretamente no couro cabeludo!!!

Depois queixa-se que o couro cabeludo está irritado e o cabelo está uma miséria.
PORQUE SERÁ?!

Depois de utilizarmos o condicionador, enxaguamos abundantemente o cabelo para retirarmos o produto.

Qual a função dele?
Neutralizar as cargas que foram criadas com o uso do champô. As cutículas vão ser fechadas e, assim, o cabelo fica “liso”, sedoso e macio ao toque.

Meus amigos, este procedimento é a forma correta de utilizar estes produtos.


Ao usar o condicionador antes do champô, estamos a danificar o nosso cabelo. Para além disso, utilizando o champô depois, com a água, o mesmo vai escorrer ao longo do comprimento do cabelo e arrastar o condicionador com ele, ou seja, vai lavar o cabelo.

Ou pensam que o condicionador fica “agarrado com unhas e dentes” à haste capilar e “sobrevive” à passagem do champô e da água?

Não! Sai tudo. Não há hipótese! Cientificamente provado! E as pessoas encontravam-se a “deitar dinheiro fora”.

E agora perguntam, legitimamente, porque é que a TrésEmme andou a publicitar essa teoria e dizer que funcionava?


A resposta é mais simples do que parece: Marketing! Tudo uma estratégia de Marketing!

Baseando-se nesta teoria, conseguiam, obrigatoriamente, vender dois produtos de cada vez e, assim, aumentar o número de vendas, tanto em número de embalagens como em valor.

Vocês devem estar a achar que “ah e tal vem este gajo com a mania que sabe tudo e mais alguma coisa dizer que aquilo que ele escreveu aqui é que é verdade!”.


Em resposta a isso, digo-vos uma coisa: escrevo este texto tendo como base estudos científicos! É uma questão de saberem onde procurar ;)

Em jeito de conclusão, e tendo em conta aquilo que vocês leram, só vos pergunto uma coisa:

“Lavagem Inversa”: faz sentido?

Até lá, bons post’s ;)

32 comentários:

  1. adorei o post... por acaso para mim nunca fez sentido tal ideia, porque simplesmente o champô é criado para lavar, limpar o cabelo, depois o Amaciador para cuidar e hidratar, não faz sentido hidratar o que está sujo.. dahhh... uma coisa que eu faço quando uso máscara é usá-la depois do shampoo e finalizo com Amaciador! mas as máscaras(Novex) que uso já são tão hidratantes e rapar adores que nem sempre uso Amaciador! Mas adorei o teu post e realmente o marketing consegue tudo e jamais pensei que fosse para venderes 2 produtos.. Boa tresemmme! #sóquenão

    beijinho
    Beleza De Mulher e Mãe
    Facebook
    Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Antes de mais obrigado pelo teu comentário. Realmente, o marketing e tramado e este tipo de campanhas não são mais que publicidade enganosa. Muita gente pensou que iria resultar mas no fundo no fundo do estragaram mais o cabelo. De rir é mesmo os iludidos que disseram que resultavam e que notavam o cabelo mais macio. Enfim: casa tiro cada melro. Fazes bem em usar a máscara depois do champô e depois fechares as cutículas com condicionador ;) beijinhos

      Eliminar
  2. Não tinha visto isso dessa marca, mas algum tempo atrás reparei que outra andava a vender desse género para cabelos oleosos. Para mim não tem qualquer lógica, porque é como os cuidados básicos da pele, não vamos colocar primeiro o hidratante e de seguida lavar xD

    Beijinhos,
    Dezassete

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Apesar de haver muitas pessoas que sempre pensaram que não fazia sentido esta teoria, continua a haver muita gente a jurar a pés juntos que resulta e que são adeptos da mesma...

      Eliminar
  3. Quem sabe, sabe e o Ricardo sabe! :)
    Eu cheguei a ler posts de bloggers que fizeram este tal inverso.. A mim sempre fez confusão, e para mim não fazia sentido lavar primeiro com o condicionador.. Anyways, gostei do post! Obrigada pelo esclarecimento :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O objectivo deste post era mesmo esse: esclarecer. A teoria nunca fez sentido. Aliás, se pensarmos um bocadinho chegámos a conclusão que mais cedo ou mais tarde as pessoas iam perceber que era uma fantochada. Infelizmente, houve quem acreditasse...

      Eliminar
  4. Por acaso já tinha conhecimento que o condicionador servia para fechar as cutículas do cabelo, logo nunca aderi a este método! Também não me lembro de ler muito acerca dele confesso, mas adoro estes posts em que esclareces estes 'ditos mitos'!
    THE PINK ELEPHANT SHOE

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O objectivo deste post é mesmo esse: esclarecer e ajudar quem tiver dúvidas. Obrigado pelo teu comentário Cátia ;) beijinhos

      Eliminar
  5. Gostei imenso deste artigo. Já tinha ouvido falar e visto a publicidade da referida marca no entanto nunca experimentei nem vi utilidade na inversão. Obrigada pelos esclarecimentos :)

    ResponderEliminar
  6. Eu não fazia a mínima de que esta tática de marketing existia! Não faz qualquer sentido e não poderia acrescentar mais argumentos ao seu artigo. Gosto imenso do seu estilo de escrita! Vou acompanhar assiduamente o seu blog!

    Xoxo,
    Ciela Unlimited | cielaunlimitedblog.wordpress.com

    ResponderEliminar
  7. Eu leio cada coisa de parte das marcas e de bloggers super sabichonas que nem sei se ria ou chore...
    Ainda bem que há post assim para ilucidar as pessoas à não fazerem cagada no cabelo ❤️

    Beijinhos,
    Www.raquel-abel.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelo teu comentário ;) de facto há marcas que deviam estar quietas e bloggers que deviam estar calados

      Eliminar
  8. Muito bem, gostei de ver um homem a "falar" deste assunto com tanta firmeza e conhecimento (sem ofensa, é mesmo de verdade)! Para não falar de que está um post bastante esclarecedor e irónico, adorei!
    Beijinhos 😚🌙
    www.themooninmyroom.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário e ainda bem que gostaste :) o objectivo era esclarecer as pessoas! Beijinhos

      Eliminar
  9. Olá Ricardo, estás bom?
    Este post veio mesmo a calhar;
    Uma amiga minha disse me que tinha visto que colocar o condicionador antes de colocar o shampoo era melhor, e ontem quando tomei banho fiz isso!
    Ao que parece fiz mer**, já não o volto a fazer!
    Tens de trazer mais posts sobre couro cabeludo, muito bem explicado!
    Abraço,
    Marroquino ahahah

    ResponderEliminar
  10. Sim, mas isso é como em tudo... A moda dos cremes matificantes também já teve imenso na moda, e há pessoal que continua a preferir a hidratação (no caso de peles mistas, por exemplo). Os séruns são bons, sim, acabam por ser mais potentes, também, mas em relação a algumas brumas acabam por ser mais caros :/ Paga-se por serem mais potentes, por assim dizer :P Tu entendes onde quero chegar :P

    Por acaso cheguei a testar o passo 1 quer antes, quer depois da lavagem!

    NEW DECOR POST | LAGOM: The RIGHT WAY to SEE DECOR.
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os cremes matificantes não são uma moda! Existem muitos e com uma boa componente hidratante que é indispensável!

      Tentaste? E então? Notaste alguma diferença? Achaste que resultou?

      Eliminar
  11. Uma vez mais, andava completamente longe de saber da existência desta teoria. O que, neste caso concreto, nem é mau, de todo :p
    O marketing é poderoso. E se não tivermos o cuidado de nos informar nas fontes certas acabamos por ser induzidos em erro.

    ResponderEliminar
  12. Calma, caaaalma, pareces muito exaltado :P
    Eu cheguei a fazer e fazia-me sentido, felizmente depois apareceste tu e fizeste luz na minha cabeça x)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu estou calmissimo. Só me rio por vezes com as teorias que surgem e como facilmente podem manipular as pessoas ehehe

      Eliminar
  13. Lá está :) pena que nem toda a gente tenha espírito crítico. Existiu muita gente a usar os produtos desta forma e ainda existem algumas

    ResponderEliminar
  14. Ai migo, não deixa de ser engraçado ver nos teus comentários "pessoas" a dizerem "c'orror isso não" e eu já as ter visto a falar tão bem desta "moda" ahahahah :p a blogosfera é mesmo engraçada.
    Já sabes a minha opinião. Concordo quando dizes que é só uma estratégia de marketing para venderem. Fácil. Mas acredita, o povo é tolinho, vai nas "modas" e não lê ou investia minimamente sobre os assuntos...
    Beijinho*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente e assim que as coisas se processam. A maior parte das pessoas não investe em conhecimento. Caso contrário veriam que isto não tinha pernas para andar :)

      Eliminar
  15. Ena parece que este assunto realmente te chateia! Ahah. Sinceramente não fazia ideia, e até pensei que o condicionador para usar antes da lavagem era "especial" e diferente dos outros. Nunca experimentei isto, porque uso um dos shampoos da lush e uso condicionador quase só nas pontas e é daquele em spray que não se tira. Mas gostei de saber isto. Bom post. ;)

    TheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é o assunto que me aborrece. A questão é que há pessoas que não estudam nem pesquisam antes de escrever seja o que for. Pior, é existirem marcas que, à base do marketing (puramente), iludem os consumidores tendo apenas como único foco o lucro. Entendo perfeitamente, é um negócio e há que ser rentável mas não será, certamente, à base de teorias da treta...

      Eliminar
  16. Por acaso já sabia essa teoria toda do que faz o champô e do que faz o condicionar e máscara porque quando fiz o alisamento explicaram-me tudinho tim tim por tim tim. Agora... a "lavagem inversa"? Desconhecia e sou sincera, prefiro viver na ignorância no que toca a essas teorias da batata ahahah

    Gostei mesmo mas mesmo deste post, foi top! E espero que abra os olhos a essas alminhas iluminadas.

    Beijinhos :D

    www.quandooeusetornaemnos.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vá lá que te explicaram. Há muitos que só dizem asneiras. Mas sim, esta teoria surgiu e é pena que uma marca se tenha colado a ela para fazer aumentar o seu volume de vendas. Enganar o consumidor é indecente mas é o que temos. Esta teoria não tem pés nem cabeça... enfim

      Obrigado pelas palavras e ainda bem que gostaste :)

      Eliminar
  17. Eu (Telma) sou filha de uma cabeleireira, por isso, como deves calcular, é só rir com isto. É uma pena que as marcas achem necessário fazer estas invenções para obterem vendas... Completamente desnecessário na nossa opinião!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não só existem estas teorias mas a dos champôs sem sal também é de rir mesmo!

      Eliminar