Sunshine Blogger Award | Saibam Mais Sobre Mim - Parte 2

Tal como já referi aqui no blogue, nomearam-me mais do que uma vez para o Sunshine Blogger Award.


Já publiquei aqui o resultado da primeira nomeação. Hoje, dou-vos a conhecer as respostas às perguntas colocadas pela Rita Santos, do blogue Rititi Decidiu Escrever.

Tal como fiz na primeira parte, não irei nomear ninguém para esta TAG. Considerem-se todos nomeados. Apenas peço que, caso respondam a esta TAG, me digam para eu conhecer as vossas respostas.

Vamos lá?


Mais do que 'O que te fez criar um blogue?', a questão é o que te faz manter o blogue?

As pessoas que me acompanham e interagem comigo. Algo que achei nunca ter quando comecei a dedicar mais tempo ao blogue. Pensava que aquilo que iria escrever não iria interessar a alguém e muito menos receber comentários sobre os textos que escrevo. Não encaro o blogue como uma obrigação. Aliás, quando sentir o blogue como tal, muito provavelmente deixo de escrever, mas acho que o prazer da escrita e da partilha, juntamente com os meus leitores são razões mais que suficientes para eu manter o blogue.

O que os leitores poderão encontrar no teu blogue?

Um pouco de tudo. Lifestyle, livros e séries que acompanho, textos de opinião sobre os mais diversos assuntos, produtos de beleza e restaurantes que conheço são alguns dos temas que abordo no blogue.

E o que é que tu encontras no blogue? O que é que ele significa para ti?

Um passatempo e não uma obrigação. Gosto de trabalhar e escrever no blogue, pois é uma escapatória da rotina e do meu trabalho. É algo completamente diferente do que faço profissionalmente e algo que nunca pensei fazer. Mas, à medida que o tempo vai passando, vou ganhando mais prazer em ter O Pinguim Sem Asas.

Quantas vezes, se é que aconteceu alguma vez, pensaste em desistir de escrever?

Existem alturas em que basicamente não tenho tempo para respirar, pelo que o blogue acaba por ficar um pouco para segundo plano. Outras vezes, não tenho inspiração nem ideias do que escrever e, se eu não tenho um texto bem escrito com uma opinião bem fundamentada, prefiro não publicar nada. É preferível do que escrever algo “só para encher chouriços”, pelo que não pensei em desistir, mas já me afastei do blogue durante algum tempo.

O que desejas para o futuro do teu blogue?

Não que tenha criado o blogue com este propósito, mas, se tivesse criado o blogue mais cedo, talvez considerasse ou tivesse mais tempo para investir ainda mais no blogue e tentar torna-lo profissional e fazer dele o meu emprego (ou segundo emprego). Neste momento, espero que o blogue se mantenha no ar, que as pessoas me visitem por aquilo que sou e por aquilo que escrevo e partilho e que me reconheçam dessa forma. Que consigam perceber que nem sempre os “grandes” bloggers são bons bloggers. Nós, mais pequenos, por vezes, conseguimos ter mais noção do que é ser blogger do que aqueles que têm números. Números não são tudo, pelo menos na minha opinião.

E para o teu próprio futuro... como te imaginas daqui a uns anos?

Tal como já respondi na primeira parte deste Award, não sou pessoa de fazer planos a grande prazo. Espero estar estável pessoal e profissionalmente, de bem com a vida e com um sorriso nos lábios. Para além disso, espero estar feliz.

Até agora, o que de bom o blogue já te trouxe?

Conhecer algumas pessoas, com pontos de vista e experiências de vida diferentes dos meus, o que torna bastante gratificante. Para além disso, já tive oportunidade de ir a alguns eventos como blogger convidado, ser orador numas Jornadas de Comunicação e, para além disso, existir pessoas que reconhecem o valor dos meus textos e se revêm neles. Não poderia pedir mais.

Quais os blogues que não deixas mesmo de seguir e que ainda queiras divulgar?

A lista seria imensa. No entanto, deixo aqui alguns exemplos: o Cortez Com Z (tem textos bem estruturados e com um forte ponto de vista); o teu (Rititi Decidiu Escrever) que tens uma escrita bastante fluída e simples: fácil de acompanhar e bem cativante; o The Ghostly Walker que, apesar de estar um bocado parado, o Ricardo quando escreve, escreve bem. Fortes pontos de vista, com uma dose equilibrada de sarcasmo. Isso é que me cativa no blogue dele. Recentemente, descobri o blogue do Daniel Pinheiro: apesar de ele investir mais no Instagram, ele tem bom conteúdo.

Já conheceste pessoalmente alguém da Blogosfera?

Sim, já. A Rita Cortez do Cortez Com Z; a Liliana Paiva do A Trapalhona dos Saltos, a Akira do Viver Num T0, o João Rico do Mercado do Homem, entre muitos outros. Claro está que existem muitos mais que gostaria de ter oportunidade de conhecer pessoalmente. Oportunidades não irão faltar.

A Blogosfera anda de mãos dadas com as Redes Sociais, o que achas disso? Consideras importante esta ligação ou um blogue é um blogue e um Instagram é um Instagram?

Acho que as redes sociais são um veículo de divulgação do nosso trabalho nos nossos blogues. Podemos escrever um excelente texto, com bom conteúdo e uma opinião forte, mas se não o divulgarmos, não iremos ter alcance.

Vendo-nos o teu peixe [leia-se, publicita o teu blogue] da maneira mais cativante possível!

Não costumo fazer isto. Acho que as pessoas devem seguir o meu blogue (ou qualquer outro) pelo conteúdo que tem e pela postura do blogger. Não quero obrigar as pessoas a visitarem o meu blogue. Toda a gente é bem-vinda ao O Pinguim Sem Asas e estão à vontade para me enviar uma mensagem ou um email a dar a vossa opinião e interagir um bocado e até mesmo deixar um comentário. Irei gostar de vos conhecer a todos.

Quem gostou desta segunda parte do Sunshine Blogger Award?

12 comentários:

  1. Gostei imenso das tuas respostas. Felizmente nem tudo é mau na blogosfera. Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelo teu comentário e pelas tuas palavras. Sim, nem tudo é mau na blogosfera e é nas coisas boas que temos de nos agarrar para não perder o gosto por este Mundo :)

      Eliminar
  2. Eu, gostei muito... Aliás, eu adoro este tipo de posts em que podemos perceber um pouco mais sobre quem está por detrás de cada blog e acredita que partilho muitas das tuas opiniões. Beijinhos*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que gostaste. Sim, este tipo de iniciativas serve para conhecer um bocadinho mais quem está por detrás do blogue, por isso mesmo é que decidi aceitar o "desafio" eheh beijinhos

      Eliminar
  3. Identifiquei-me logo com a postura que deixas transparecer na 1ª pergunta, porque também não encaro o blogue como uma obrigação. Aliás, sinto que tudo o que seja encarado dessa forma acaba por perder o encanto. Além disso, também sou apologista que é preferível escrever menos, mas com qualidade, do que publicar só para fazer número. Se tens inspiração para publicações diárias, ótimo, é investir nisso. Mas se essa inspiração não surgir (ou o tempo não permitir), não há razão para se ficar melindrado. É deixar fluir e desfrutar desta experiência da forma mais descomplicada possível :)
    Gostei muito de ler esta 2ª parte!

    r: Por acaso, nunca me lembrei de bloquear essas pessoas, mas a tua argumentação destacou um aspeto importante. Realmente, se só se interessam pelos números, não faz sentido que tenham acesso ao nosso conteúdo.
    Exatamente, comentar só para dizer que o fizemos não faz qualquer sentido!
    Sim, felizmente ainda há muitas pessoas que mantêm o que a blogosfera tem de melhor

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico contente por teres gostado :) Esta segunda parte realmente deu para explorar um pouco mais o meu lado pessoal relativamente ao blogue do que propriamente gostos ou preferências :) Gostei de responder a ambas: agora, que venha o próximo desafio eheh beijinhos

      Eliminar
  4. Ontem eu li logo as tuas respostas mas não pude comentar por isso cá estou hoje! Muito obrigada por teres feito a TAG pela segunda vez e obrigada, como sempre, pela tua honestidade e simplicidade. Não estava à espera de menos do que aquilo que respondeste na integra!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado. É sempre bom saber que sou tão previsível eheheheh :) Foram questões mais pessoais, mas valeram imenso a pena ;)

      Eliminar
  5. Nem mais :D É mesmo isso. Mantendo-nos fiéis a nós mesmo, temos a atitude certa para enfrentar o que quer que seja :D
    Obrigado, Ricardo :D

    Ora cá está ela, a segunda parte! Identifiquei-me muito, muito com aquela parte de o blog não poder ser uma obrigação. Porque não pode mesmo. Aliás, deixa de fazer o sentido que faz e do que é ser "blogger" :D
    Ótimo post :D

    NEW FASHION POST | TREND ALERT: 90’S SUNNIES ARE BACK :O
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Miguel. Sim, o blogue não pode ser considerado uma obrigação, caso contrário, tira quase todo o prazer que se tem em escrever nele ;) obrigado eu pela visita!

      Eliminar
  6. Adorei o seu blog estou dando um olhada nos seus posts, to te seguindo e parabens pela nomeação que venham mais outras

    Pvf visite e siga o blog
    http://coisasdecrespasoficial.blogspot.com/2018/06/cdc-sincerona-3-novex-oleo-de-coco.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela tua visita e pelas tuas palavras. Irei visitar brevemente ;)

      Eliminar

O Pinguim Sem Asas. Todos os direitos reservados. Com tecnologia do Blogger.