Solários | Quais Os Seus Perigos? Descobre!

Agora que o calor e o tempo de praia estão a terminar, algumas pessoas recorrem a Solários.

Solários

Mas será que estes trazem algum benefício para nós e para a nossa pele?


Hoje o texto será precisamente sobre Solários: vantagens (se existir alguma) e desvantagens da utilização dos mesmos. Muitas pessoas gostam de ter o tom dourado e canela na pele ao longo do ano inteiro. Outros gostam de o preservar o maior número de dias possível. Mas, na impossibilidade de irem à praia, recorrem a alguns "truques": um que já foi falado aqui no blogue - os autobronzeadores. O segundo: a utilização de solários.

Existem vários espalhados pelo país, com uma gama de preços variadíssima e com campanhas promocionais loucas, com o intuito de cativar o consumidor comum a frequentar o mesmo e fazer uma sessão.

Serão os solários nossos amigos?


Antes de continuarem a ler este texto, pedia que reflectissem um pouco nesta pergunta e tentassem responder à mesma.

Já está? Agora vou explicar-vos algumas coisas.


Posso já começar por dizer que uma ida ao solário é um erro. Sim, um erro. Não vale a pena estar aqui "com paninhos quentes" e a tentar enganar-vos. Por mais histórias que ouçam de pessoas que frequentam solários e que "nunca lhes aconteceu alguma coisa", não acreditem! O foto-dano é cumulativo, pelo que, no imediato, não há danos, mas mais tarde, as consequências aparecem.

Solários

Senão vejamos


De acordo com o The Cancer Research UK, a probabilidade de desenvolver cancro de pele em quem frequenta solários é seis vezes maior do que quem apanha sol nas horas mais perigosas! Para além disso, alguns estudos têm demonstrado uma relação directa entre o envelhecimento prematuro da pele e a utilização de solários. Porquê? Devido ao tipo de raios UV utilizados neste método de bronzeamento artificial.

Quais os raios emitidos nos solários?

Os solários usam um dispositivo que emite raios UV para produzir um bronzeado cosmético. A luz UV emitida produz raios UVA (cerca de 95-99%) e poucos ou nenhuns raios UVB (cerca de 1-5%), enquanto o sol produz os dois tipos de raios UV, com os UVA a representar 90-95% e os UVB 5-10%.

Quais os verdadeiros riscos associados à utilização de solários?

O problema é que os dois tipos de raios UV podem ter efeitos potencialmente perigosos na pele. Os UVA, mais produzidos pelos solários, podem, indirectamente, causar danos oxidativos e stress e, como têm comprimentos de onda maiores do que os UVB, podem penetrar mais profundamente na nossa pele. Para além disto, uma vez que os raios UVA não produzem vitamina D, não existem benefícios.

Mas há mais!


Apesar de não existir forma de prever exactamente como é que os riscos do solário se vão manifestar, especialmente quando as pessoas começam a frequentar solários desde novas e têm a pele pálida, não é, de todo, recomendado pelos médicos.

Para "agravar" esta situação, as "camas" da maior parte dos solários abrigam uma flora microbiana substancial e estas bactérias podem ser prejudiciais para quem sofre de dermatite atópica ou outros problemas de pele.

Aquilo que mais me preocupa é a existência de criadores de conteúdo e influenciadores digitais a promoverem este tipo de conceito e práticas. É costume dizer-se "Cada um sabe de si e Deus sabe de todos", mas acho que deveria existir algum tipo de consciência e maior responsabilidade social neste tipo de situações.

Não adianta querer ter um tom esteticamente agradável e apelativo, porque isso é possível conseguir-se de outras formas - jet bronze, autobronzeadores ou maquilhagem, por exemplo. É necessário pensar nos malefícios para a nossa pele e, bem mais importante, para a nossa saúde, porque penso que esta é mais importante que uma cor dourada na pele.

Não acham?


A única situação que vejo um solário (ou câmaras de UV) a ter alguma utilidade é nos casos de psoríase em que a radiação UV traz benefícios para esta patologia de pele. Como devem imaginar, nestes casos, a exposição é controlada e prescrita por um médico dermatologista! E controlado pelo mesmo! Tanto a duração como o número de sessões a efectuar são determinados de acordo com o paciente e da condição em si!

Solários

Quem aí já fez (ou faz) solários?

8 comentários:

  1. Confesso que há coisa que nunca me chamou atenção é isso, pois, não acho mesmo piada nenhuma, mas também não posso falar muito porque nunca o fiz nem sou pessoa de estar exposta ao sol, mas adorei saber mais um pouco mais
    Beijinhos
    Novo post
    Tem post novos todos os dias

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu nunca tive curiosidade e, à medida que fui aumentando meu conhecimento sobre o assunto, mais "contra" fiquei relativamente a este conceito por uma questão de estética. Por questões de doença (psoríase, como falo) entendo porque aí é controlado.

      Eliminar
  2. Curiosamente, nunca me senti tentada a ir a um solário, porque não me inspira confiança. Acho que a parte dos malefícios, consciente ou inconscientemente, estive sempre bem presente na minha perceção dos mesmos.
    A curto prazo podem não ter grande impacto, mas a longo prazo é que surgem os problemas e não vale a pena sujeitarmo-nos a isso, sobretudo, quando há opções muito mais saudáveis para o mesmo fim

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também nunca tive vontade de ir a um, mas há muitas pessoas a frequentar. Se fores uma vez, pronto, é "naquela", mas sempre e de forma regular é asneira. É um conjunto de tiros no pé que dás em ti mesma.

      Eliminar
  3. Lá está, como comentei no teu Instagram, eu acho que não precisamos de nada disto para viver. É uma coisa pouco saudável e que no fundo dá-te uma cor, mas é tudo superficial. Eu não frequento, nunca frequentei nem quero ir a estes sítios e colocar em risco a minha saúde. Excelente Post Ricardo. Keep it up!

    ResponderEliminar
  4. Eu nunca fui nem nunca tive vontade sinceramente! Eu sabia que não é a melhor coisa do mundo para a saúde mas não sabia isto tudo nem de perto! Excelente post e bem informativo (como sempre)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu nunca tive curiosidade, nem entendo quem procure o solário por uma questão estética. Aliás, na minha opinião, solários por questões estéticas, devia ser prática proibida. Obrigado pelas palavras ;)

      Eliminar

O Pinguim Sem Asas. Todos os direitos reservados. Com tecnologia do Blogger.